.

VISITANTES ATE O MOMENTO

contador gratuito de visitas
linhad6118a8d1eedbbf2.png

EDUCAÇÃO



União transfere R$ 889 milhões da complementação ao Fundeb
Recursos estarão disponíveis a partir de segunda-feira, 3



Estados e municípios beneficiários da complementação da União ao Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb) podem utilizar a parcela de novembro a partir de segunda-feira, 3. Responsável pela transferência dos recursos, o Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) repassou R$ 889,7 milhões aos entes federativos na última quinta-feira, 30, sendo que R$ 47,6 milhões referem-se à complementação para o pagamento do piso do magistério.

Conforme a lei que instituiu o Fundeb, a União repassa a complementação aos estados e respectivos municípios que não alcançam com a própria arrecadação o valor mínimo nacional por aluno estabelecido a cada ano. Em 2017, esse valor é de R$ 2.875,03 e os estados que recebem a complementação são: Alagoas, Amazonas, Bahia, Ceará, Maranhão, Pará, Paraíba, Pernambuco e Piauí.

Principal fonte de financiamento da educação básica pública, o Fundeb é formado por percentuais de diversos impostos e transferências constitucionais, a exemplo do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) e o Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA).

Pelo menos 60% dos recursos do Fundeb devem ser usados na remuneração de profissionais do magistério em efetivo exercício, como professores, diretores e orientadores educacionais. O restante serve para despesas de manutenção e desenvolvimento do ensino, compreendendo, entre outras ações, o pagamento de outros profissionais ligados à educação, bem como a aquisição de equipamentos e a construção de escolas.

FONTE : MEC-FNDE-FUNDEB






SÃO JOSÉ DA LAJE É A CIDADE DA ZONA DA MATA DE MAIOR DESTAQUE NA PROVA ALAGOAS, APONTA 7ª GERE (GERÊNCIA REGIONAL DE ENSINO).


As avaliações externas são instrumentos de medição da aprendizagem dos alunos com vistas ao Ideb. Recentemente, a Secretaria de Estado da Educação (Seduc/AL) aplicou através da Gerência Regional de Ensino (Gere), avaliações para mensurar o nível de conhecimento dos alunos das redes municipais, tanto no Ensino Fundamental I quanto no Ensino Fundamental II, por meio de uma ação integrada à Escola 10.

São José da Laje, dentre os sete municípios que integram a 7ª Gere, ficou em primeiro lugar nos índices que se voltam ao processo de ensino-aprendizagem, de Língua Portuguesa e de Matemática, na região. Segundo a secretária de Educação do município, professora Ana Paula Mendes, “esse resultado inicial já pode ser visto como fruto de um trabalho de compromisso com a formação de professores, em que, desde 2013, o município investe maciçamente”.

“Assim, os nossos docentes da Rede têm tido a oportunidade de refletir sobre as suas próprias práticas, além de vislumbrarem outras metodologias para o trabalho docente, sobretudo, no que diz respeito às avaliações de larga escala, a exemplo da Prova Brasil. Sentimo-nos, o prefeito Rodrigo Valença e toda equipe da Secretaria da Educação, orgulhosos por reconhecermos o esforço de cada um em suas escolas para chegarmos a essa colocação”, afirmou com muito entusiasmo a secretária.

REDAÇÃO:JBTNOTICIAS
Fonte: Secom São José da Laje






INSTITUTO LAJENSE INSTALA I MOSTRA CULTURAL DE SÃO JOSÉ DA LAJE.


O Instituto Histórico, Artístico e Cultural Lajense instala, nesta segunda-feira, 21, a partir das 20 horas, no Auditório Ivan Gregório Lyra, na Secretaria Municipal de Educação, a I Mostra Cultural Lajense, com o recital “Ventos do Atlântico”, apresentado por músicos portugueses. O evento é aberto ao público.
Na sexta-feira, 25, acontecerá na Biblioteca Municipal, a partir das 20 horas, o lançamento de dois livros. O de poemas, em estilo cordel, do poeta lajense Waldemar Matias, intitulado “Empresta-me tuas mãos”, e o “Essências do Brasil em jarros do Japão”, do poeta lajense João Pinheiro Lyra.

A I Mostra Cultural Lajense traz ainda, durante os dias 25, 26 e 27 próximos, oficinas de música, dança e teatro para jovens aqui do nosso município, ministradas por profissionais de cada uma dessas áreas. Quem quiser participar, as inscrições estão abertas na sede da Biblioteca Municipal, em horário comercial. As vagas são limitadas.



REDAÇÃO: JBTNOTICIAS (João Batista)

FONTE: BIBLIOTECA PÚBLICA MUNICIPAL 
ENVIADO POR : ESTELA BALBINO